Assessoria e Gestão em Estudos da Natureza, Desenvolvimento Humano e Agroecologia

 

Agendha

A AGENDHA (Assessoria e Gestão em Estudos da Natureza, Desenvolvimento Humano e Agroecologia), criada em 2002, foi oficialmente institucionalizada como Organização Não Governamental em 22 de setembro de 2003, com sede em Paulo Afonso/BA, atuando prioritariamente na região Nordeste, interagindo ao nível local, estadual, regional, nacional e internacionalmente, através de várias linhas de ações socioambientais, ecofeministas e de incidência em políticas públicas, com uma equipe multidisciplinar para desenvolver diversas iniciativas tanto no meio urbano quanto rural, especialmente junto aos Povos e Comunidades Tradicionais e da Agricultura Familiar.

Em 2007, conseguiu o Título de Utilidade Pública Municipal e em 2008, o de Utilidade Pública Estadual. É também credenciada como Instituição de ATER (Assistência Técnica e Extensão Rural) e em outros sistemas estaduais e nacionais de reconhecimento institucional.

Os Programas e Projetos são elaborados e desenvolvidos complementando um ao outro, tornando-os indissociáveis e possibilitando iniciativas ecossistêmicas, apropriadas e sustentáveis.

Além das iniciativas nas comunidades, a AGENDHA participa de vários Fóruns e Conselhos:

Local: CMDM – Conselho Municipal de Meio Ambiente, Conselho Municipal dos Direitos da Mulher, Conselho Municipal de Segurança Alimentar;

Regional: Comitê Gestor Território Itaparica PE/BA, Fórum Popular de Articulação em Defesa do São Francisco, ASA (Articulação do Semi-Árido), Conselho regional de Turismo;

Estadual: Comitê da Reserva da Biosfera da Caatinga (assumindo a vice-coordenação até 2010), Corredor Ecológico da Caatinga (latente), Conselho Estadual da Mulher, CIEA (Conselho Estadual de Educação Ambiental), Fórum Baiano de Economia Solidária;

Nacional: Iniciativa Caatinga Cerrado – Comunidades Ecoprodutivas (Comissão Executiva), Grupo Penedo, RENOVE, ASHOKA (Rede Empreendedores Sociais), Rede Tecnologia Social, Agroecologia em Rede, Aliança do Controle do Tabagismo e Lideranças para Segurança Climática.

Internacional: GWA (Aliança para Gênero e Água)
Dentre os Projetos e Iniciativas que já desenvolveu e outras em atuação em parceria com diversos Organismos Públicos, destacam-se:

 

  • Agentes da Cidadania das Águas
  • Conservação e Uso Sustentável das Caatingas
  • Fomento a 28 Projetos para Povos e Comunidades Tradicionais do submédio e baixo São Francisco
  • Fortalecimento Institucional como Agência Implementadora de Projetos para Povos e Comunidades Tradicionais
  • Melhoria da Eficiência Energética para Segurança Alimentar e Hídrica, com fogões geoagroecológicos
  • Comércio Justo e Solidário, através da Bodega de Produtos Sustentáveis do Bioma Caatinga
  • Difusão de Tecnologias Sociais
  • Gerando Energias para construir 15 Conselhos Municipais da Mulher
  • Projeto das Roças e Florestas de PCTAFs para Alimentação Escolar – NUTRE Nordeste
  • Inclusão de Gêneros Alimentícios da Sociobiodiversidade na Alimentação Escolar

 

No aniversário de 20 anos do IBAMA, a AGENDHA recebeu em agosto de 2009, homenagem deste Instituto por sua atuação em favor da sustentabilidade socioambiental dos povos da caatinga. Ato realizado na Assembléia Legislativa de Pernambuco.

 

Tanto a Instituição quanto a equipe possui várias publicações impressas em livros, cartilhas, folder e também em revistas, sites e outros meios de comunicação.

 

Concede e acompanha estagiários da Universidade do Estado da Bahia – UNEB Campus VIII, do CTEPI – Centro Territorial de Educação Profissional de Itaparica dos cursos Técnicos em Meio Ambiente e ainda gera bases de pesquisa para estudantes da FASETE (Faculdade Sete de Setembro) de Paulo Afonso/BA e de outras Faculdades de Ensino à Distância.

agendha11        agendha10